JESUS, FOI MESMO O BOBO DA CORTE?

 E os soldados o levaram dentro à sala, que é a da audiência, e convocaram toda a corte. E vestiram-no de púrpura, e tecendo uma coroa de espinhos, lha puseram na cabeça. E começaram a saudá-lo, dizendo: Salve, Rei dos Judeus! E feriram-no na cabeça com uma cana, e cuspiram nele e, postos de joelhos, o adoraram. E, havendo-o escarnecido, despiram-lhe a púrpura, e o vestiram com as suas próprias vestes; e o levaram para fora a fim de o crucificarem. “     Marcos 15:16-20

Na Terra, mulheres e homens da corte de Herodes, com olhos altivos, gargalhavam e humilhavam um homem que diziam ser o Rei dos Judeus.

Seu nome: Jesus. Ele tinha sua fronte cravada pela coroa de espinhos e sangrava, suas costas ferida de açoites  eram cobertas por um manto púrpura; seu rosto abatido, recebia afrontas em forma de cuspe; sua cabeça ferida,  recebia pancadas.

Aparentemente frágil e indefeso diante dos poderosos,

sem direito e sem defesa, rumava à morte.

A cruz era seu destino certo, ela o esperava de braços abertos.

No inferno retumbavam os escárnios como som agradável , pois ali havia grande expectativa em vê-Lo expirar, carregar o pecado da humanidade, ser derrotado pela morte!

No céu pairava grande silêncio. Querubins, serafins e o arcanjo Miguel , assistiam o cumprimento das Escrituras. E sob o olhar de Deus todos os desígnios eternos do Senhor aconteciam: Jesus, seu Filho unigênito  revestido de carne humana, e cheio do Espírito do Senhor, do espírito de sabedoria e de entendimento, do espírito de conselho e de fortaleza, do espírito de conhecimento e de temor do Senhor; sendo ferido e esmagado pelos homens, dando sua vida por pecadores ao ser morto na cruz do Calvário.

Houve trevas.

Houve terremoto.

Houve medo.

Houve  derramamento de sangue.

Houve remissão.

Por três dias se calou o Filho de Deus, mas ao terceiro dia, brilhou o Sol da Justiça, pois Cristo ressuscitou!

O Pai o recebeu em seu reino , trocou-lhe a coroa de espinhos por uma coroa de glória e honra, trocou-lhe o manto púrpura por vestes de linho puro resplandecente, trocou-lhe o nome de reis dos Judeus para Rei dos Reis e Senhor dos Senhores.

E, depois destas coisas no céu se ouvia : “Aleluia! Salvação, e glória, e honra, e poder pertencem ao Senhor nosso Deus, porque   a loucura de Deus é mais sábia do que os homens; e a fraqueza de Deus é mais forte do que os homens.”

No inferno se ouvia: “Onde está, ó morte, o teu aguilhão? Onde está, ó inferno, a tua vitória?”  


Na Terra se ouvia: “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna “

Por que buscais o vivente entre os mortos?
Lucas 24:5

<

1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s