SOPRO DO ESPÍRITO

“O vento sopra onde quer, e ouves a sua voz; mas não sabes donde vem, nem para onde vai; assim é todo aquele que é nascido do Espírito. ”   João 3:8

A tarde estava quente,  o sol das 15 horas tornava o dia de trabalho mais árduo.Nossa mesa de trabalho estava cheia de pendências e afazerestraduzida em pilhas de papéis.

Mesmo diante das circunstâncias, não tivemos dúvidas, deixamos os compromissos e fomos fazer uma visita a uma senhora idosa que sofria do mal de Alzheimer.

Ela continuava  linda, gentil e fina como descrita na juventude e lançava um olhar curioso  até  sobre quem lhe era próximo e frequentava sua casa diariamente

.Sentamo-nos na espaçosa sala de estar e começamos a falar-lhe do amor de Deus. Alguém começou a falar juntamente conosco, então aquela senhora repreendeu: –Silêncio! Eles vieram me contar algo que eu não sei e preciso saber.

Enquanto discorríamos sobre a salvação que Deus nos proporcionou através de Jeus Cristo, que deu sua vida por nós, aquela senhora nos olhava atentamente e aos poucos foi se emocionando e  disse  conclusivamente :

– Quer dizer que era eu quem merecia estar naquela cruz e Jesus morreu em meu lugar?  

E chorando completou:

– Oh! muito obrigado por virem me contar isso, algo que eu não sabia e precisava saber! Foi Deus quem mandou vocês virem aqui me contar isso! Muito obrigado!

Naquela tarde  ensolarada e quente , havia um vento, um sopro diferente sobre aquela casa, aquela vida, aquele coração

.Nem mesmo o Alzheimer tirou-lhe  a lucidez necessária para reconhecer-se pecadora e carente da graça de Cristo, pois quando o Espírito de Deus age, nada nem ninguém pode impedir!

Que lindo momento testemunhamos , no meio da semana, numa tarde qualquer…Deus operando o milagre da salvação através do seu Espírito.

/b>