GANHAR E PERDER TEMPO?

POR ISAQUE FELIPE RODRIGUES
Volto da escola a pé todos os dias. Enquanto não me canso, corro, pois quanto mais eu correr, mais cedo chego em casa. Logo, “ganho tempo”
Para não “perder tempo”, almoço vendo jornal. Fazer duas coisas ao mesmo tempo significa não “perder tempo”.
Eu como pouco nas refeições, mesmo que não me sinta muito satisfeito. Assim, eu “ganho tempo”. Meu banho dura menos de 5 minutos, não para economizar áqua e energia, mas para não “perder tempo”.
Tomo leite puro, sem achocolatado, para não “perder tempo” misturando. Não faço trabalhos à mão, mas sim digitando no computador, já que é bem mais prático e rápido. Então, “ganho tempo”.
Mas, um momento… Se nosso dia tem 24 horas, como é que eu “ganho e perco tempo”?
O dia vai continuar tendo 24 horas independente do que eu faça.
Deixo de fazer um trabalho mais caprichado, tomar um leite mais gostoso, tomar um banho confortável, me saciar da fome, saborear meu almoço e acabo aumentando o risco de me acidentar na rua para “ganhar tempo”?
Acho que não vale a pena… Que fome…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s