MEU BARQUINHO

 Sinto-me como um  barquinho cercado de água por todos os lados , exposto ao sol, à  lua, às tempestades, aos ventos e  à correnteza.
Passa o tempo e vou ficando mais frágil , apesar de exergar mais  longe, já não possuo  a destreza das manobras da juventude.
Resta-me viver o melhor e  aguardar o desague ao mar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s